Código de saúde com função de rastreamento lançado este mês

Código de saúde com função de rastreamento lançado este mês

O diretor dos Serviços de Saúde, Alvis Lo Iek Long revelou ontem que até ao final de novembro, será lançada uma versão experimental do código de saúde com a funcionalidade de rastreamento de itinerários incluída

O código de saúde vai ter função de rastreamento. Segundo o responsável, o rastreamento será feito voluntariamente através da leitura de códigos QR instalados à entrada de estabelecimentos e espaços públicos, fazendo com que esses locais, e respectiva hora de acesso, fiquem registados, apenas, nos telemóveis dos utilizadores.

O código de saúde com função de rastreamento, durante a fase experimental, será aplicada exclusivamente em instituições públicas afectas aos Serviços de Saúde, prevendo-se que seja alargada posteriormente a mais espaços “consoante as opiniões dos utilizadores” e as melhorias que venham a ser implementadas.

À margem do programa “Fórum Macau” do canal chinês da TDM-Rádio Macau, o director dos Serviços de Saúde revelou ainda que, até à manhã de ontem, 292 pessoas tinham sido inoculadas com a terceira dose da vacina contra a covid-19.

Destas, apontou o responsável, 224 optaram por receber a dose de reforço com o mesmo fármaco, ao passo que 68 escolheram mudar de vacina, acabando por cruzar doses da BioNTech e da Sinopharm.

Leia mais em Hoje Macau

Related posts
MundoSociedade

OMS desaconselha tratamento com plasma para pacientes com Covid

MundoSociedade

Primeiros sinais de gravidade da ómicron são "encorajadores"

MundoSociedade

Mundo com cada vez mais medidas contra a Ómicron

MacauPolítica

Governo quer desenvolver turismo de saúde a partir do novo hospital

Assine nossa Newsletter