Mulher condenada a prisão por insultos nas redes sociais - Plataforma Media

Mulher condenada a prisão por insultos nas redes sociais

Após 18 julgamentos por crimes semelhantes em que escapou com multas e penas suspensas, juíza de Vila Verde condenou-a a 80 dias de cadeia por reincidir no “comportamento delituoso”.

O Tribunal de Vila Verde condenou a 80 dias de prisão efetiva uma mulher de 46 anos que insultou duas assistentes sociais por email e no Facebook, classificando-as como “incompetentes”, “ladras”, “invejosas”, “criminosas” e “cabras”. A juíza não lhe suspendeu a pena, dado que a arguida já tinha sido julgada 17 outras vezes por crimes vários entre os quais os de difamação e injúria agravada escapando sempre à prisão.

“Tendo já sido condenada em penas de multa, penas de prisão substituídas por multa e suspensas na sua execução, com regime de prova, isso não a impediu de reafirmar o seu comportamento delituoso”, justificou a juíza, notando que a arguida nem no julgamento apareceu por achar que continuaria impune. Terá, ainda, de pagar 500 euros a cada uma das ofendidas.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter