Roadshow virtual estreita relações - Plataforma Media

Roadshow virtual estreita relações

Cerca de 70 empresas oriundas de Macau e de Portugal, focadas nos setores da agroindústria, construção, turismo, metalomecânica, tecnologia, entre outros, juntaram-se no dia 15 de setembro para o Roadshow virtual Macau-Portugal. Foram analisadas as oportunidades de investimento e de negócio na região do Ribatejo, sinergias entre os dois mercados e explorou-se ainda novas vias de cooperação económica

O evento contou com a participação do Embaixador de Portugal em Pequim, José Augusto Duarte, e do Embaixador da República Popular da China em Portugal, Zhao Bentang. Ambos realçaram a importância que iniciativas como esta têm no estreitar das relações comerciais entre os dois países. José Augusto Duarte referiu que nos seus três anos e meio como embaixador de Portugal na China, testemunhou “o crescente interesse das companhias portuguesas e chinesas em materializar os nossos cinco séculos de trocas comerciais em algo mais tangível”, explicando que “o comércio e o investimento têm esta dimensão tangível que pode ser medida por números e pode ser vista através do desenvolvimento económico que beneficia Portugal e a China”.

Nos últimos dez anos, as trocas comerciais entre Portugal e a China “duplicaram, ultrapassando o patamar de 6,5 biliões de euros em 2020”, apontou, acrescentando que “as exportações portuguesas para a China aumentaram também significativamente, especialmente em produtos nos quais a região do Ribatejo é bastante competitiva”. Sobre a razão pela qual Portugal é um mercado atrativo apesar de pequeno, José Augusto Duarte relembrou que os investimentos em Portugal são “investimentos dentro da União Europeia”, pois, segundo a legislação Portuguesa e Europeia as companhias chinesas têm “livre acesso ao mercado da União Europeia e aos seus mais de 500 milhões de consumidores, e não apenas aos 10 milhões de consumidores que vivem em Portugal”.

O embaixador português terminou a sua intervenção referindo a disponibilidade da embaixada Portuguesa em Pequim em “apoiar as empresas no objetivo comum de prosperidade tanto para as empresas portuguesas e chinesas, como para os respetivos povos”.

Zhao Bentang começou por sublinhar que “a China e Portugal são parceiros estratégicos abrangentes, os intercâmbios de alto nível entre os dois países são frequentes, a confiança mútua política é constantemente reforçada e a cooperação nos setores do comércio e investimento está continuamente a atingir novos patamares”. “As relações sino-portuguesas têm feito novos progressos”, sublinhou.

Referindo que “a cultura portuguesa está profundamente enraizada em Macau e tem um impacto positivo na cooperação entre as empresas chinesas e portuguesas, na atração de talentos e na expansão dos negócios”, o embaixador chinês salientou que “Macau serve como plataforma de ligação da China aos Países de Língua Portuguesa e desempenha um papel importante na promoção do desenvolvimento comum da China Continental, da Região Administrativa Especial de Macau, de Portugal e dos outros Países de Língua Portuguesa.”.

Para terminar, Zhao Bentang referiu que “a Embaixada da China em Portugal gostaria de trabalhar, em conjunto, com a Nersant-Associação Empresarial Regional de Santarém, a fim de colmatar o fosso entre as empresas dos dois países que se interessem pela cooperação, bem como, ajudar as empresas a resolver as dificuldades e problemas encontrados na cooperação”, de modo a que mais empresas “possam alcançar benefícios mútuos através da cooperação pragmática, promovendo, assim, as relações económicas e comerciais entre a China e Portugal para um novo nível”.

Além destes altos dignitários, o Roadshow Macau-Portugal incluiu as intervenções de Tang Weng Hei, Diretor-Ajunto do Departamento de Promoção Económica e Comercial junto dos Mercados Lusófonos do IPIM-Instituto de Promoção do Comércio e Investimento de Macau, Carolina Lousinha – Diretora do AICEP MACAU, Bernardo Mendia, Secretario Geral da Câmara de Comércio e Indústria Luso-Chinesa, Dominic Sio, Presidente do Conselho de Administração da Associação dos Importadores e Exportadores de Macau, António Trindade, Presidente e CEO da CESL Asia, Alberto Bettencourt, CEO da MCM Media Asia, e Carlos Duque Simões – Presidente da Direção da Macau European Chamber of Commerce.

Na sua intervenção, a NERSANT apresentou o Ribatejo aos participantes e realçou o potencial e as inúmeras oportunidades de negócio e investimento que esta região de Portugal oferece. A associação portuguesa perspetiva que esta ação possa vir a ser um passo importante para forjar novas oportunidades de negócio e investimento entre Macau e Portugal, em termos de investimento e identificação de parcerias, e oportunidades de negócios.

O Roadshow Macau-Portugal integra uma série mundial de eventos no âmbito do projeto “Business Intelligence”, financiado pelo Alentejo 2020, Portugal 2020, e FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Assine nossa Newsletter