Benfica luta por encaixe de 37 milhões no 'play-off' frente ao PSV

Benfica luta por encaixe de 37 milhões no ‘play-off’ frente ao PSV

O Benfica pode encaixar imediatamente 37,243 milhões de euros (ME) pelo acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões de futebol, caso afaste os holandeses do PSV Eindhoven no ‘play-off’, cuja primeira mão ocorre na quarta-feira.

Depois de terem falhado a 11.ª presença seguida em 2020/21, ao perder no estádio dos gregos do PAOK (2-1), em jogo único da última fase preliminar, as ‘águias’ tentam juntar-se ao campeão nacional Sporting e ao FC Porto para consumar um autêntico ‘jackpot’.

A entrada no lote de 32 clubes presentes na fase de grupos da principal competição europeia valerá imediatamente 15,64 ME ao Benfica, que afastou os russos do Spartak Moscovo, de Rui Vitória, na terceira pré-eliminatória (4-0 no agregado das duas mãos).

Além do prémio fixo de participação, que estava estabelecido em 15,25 ME nas épocas anteriores, a SAD liderada por Rui Costa poderá vir a extrair outras receitas variáveis, desde o desempenho nas fases seguintes da prova até ao montante do market pool, associado aos direitos televisivos, além da posição no ‘ranking’ da UEFA a 10 anos.

Os 600,6 ME destinados a essa rubrica são distribuídos consoante o rendimento desportivo, além de um bónus inerente a conquistas anteriores de títulos europeus.

Leia mais em Diário de Notícias

Assine nossa Newsletter