Recuperação económica da China perde força no segundo trimestre - Plataforma Media

Recuperação económica da China perde força no segundo trimestre

A economia da China cresceu um pouco menos do que o esperado no segundo trimestre, pressionada pelos custos mais altos das matérias-primas e por novos surtos de Covid-19, conforme aumentam as expectativas de que as autoridades podem ter que fazer mais para sustentar a recuperação.

O Produto Interno Bruto expandiu 7,9% entre abril e junho sobre o mesmo período do ano anterior, mostraram dados oficiais nesta quinta-feira, contra expectativa de alta de 8,1% em pesquisa da Reuters com economistas.

O crescimento desacelerou de forma significativa ante o recorde de 18,3% no primeiro trimestre, quando a taxa anual foi fortemente afetada pela queda provocada pela Covid-19 no primeiro trimestre de 2020.

As vendas no varejo e a produção industrial cresceram de forma mais lenta em junho, com a indústria afetada por forte queda na produção de veículos motorizados, enquanto dados da agência também mostraram enfraquecimento do mercado imobiliário da China, importante motor do crescimento.

Leia mais em Istoé

Assine nossa Newsletter