Há cada vez mais concelhos à beira de recuar no desconfinamento. A Norte o crescimento de casos é "avassalador" - Plataforma Media

Há cada vez mais concelhos à beira de recuar no desconfinamento. A Norte o crescimento de casos é “avassalador”

Não há sinais de quando será o pico da atual vaga de Covid-19. Norte (e sobretudo o Porto) aproxima-se cada vez mais das incidências das regiões de Lisboa e do Algarve.

É quase certo que mais concelhos vão ser declarados esta quinta-feira em situação de alerta amarelo ou de risco elevado e muito elevado por causa do agravamento da Covid-19, recuando, assim, no processo de desconfinamento.

A convicção é de Carlos Antunes, perito da equipa da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa que tem acompanhado a evolução da pandemia e que recebe os dados atualizados, por concelho, da Direção-Geral da Saúde (DGS), que acredita ser algo inevitável tendo em conta que há uma semana, na última atualização feita depois do Conselho de Ministros, o país tinha um incidência de 172,8 novos casos por 100 mil habitantes e agora já chegou a 247,3.

Além do indicador anterior, disponibilizado nos relatórios diários da DGS, Carlos Antunes explica que a análise que têm feito na Faculdade de Ciências confirma aumentos evidentes em inúmeros concelhos do país.

A matemática

Na última semana foram 66 os concelhos identificados pelo Governo em situação de alerta ou risco elevado e muito elevado de contágio, mas desta vez o perito está convencido que serão mais de 80, ou seja, estando acima do limite de 120 novos casos por 100 mil habitantes.

Leia mais em TSF

Related posts
DesportoPortugal

Marítimo e Nacional com público nas bancadas no arranque da época 2021/2022

DesportoEconomia

Pandemia roubou 595 milhões e levou 3100 clubes desportivos e 16 mil empregos

PortugalSociedade

Covid-19 deve duplicar até agosto em Portugal, mas na Europa será ainda pior

PortugalSociedade

Portugueses confiantes na vacinação, mas mais descontentes com Governo

Assine nossa Newsletter