Com cores do arco-íris no símbolo, UEFA lembra empenho na luta contra discriminação - Plataforma Media

Com cores do arco-íris no símbolo, UEFA lembra empenho na luta contra discriminação

A UEFA reafirmou, esta quarta-feira, o “empenho” na luta contra a discriminação, colocando as cores do arco-íris no símbolo, depois de ter recusado que o estádio Allianz Arena fosse iluminado com as mesmas cores, associadas à comunidade LGBT.

“Hoje, a UEFA orgulha-se de vestir as cores do arco-íris. É um símbolo que promove tudo aquilo em que acreditamos – uma sociedade mais justa e igualitária, tolerante com todos, independentemente de sua origem, crença ou género”, refere um comunicado do organismo, que tem sido bastante criticado pela decisão anunciada na terça-feira.

O organismo que gere futebol europeu observou que “algumas pessoas interpretaram como ‘política’ a decisão de recusar o pedido da cidade de Munique para iluminar a Allianz Arena com as cores do arco-íris” durante o jogo de hoje, entre as seleções da Alemanha e da Hungria, do Euro2020 de futebol.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter