Presidente iraquiano revela desvio de 150 mil milhões de dólares por corrupção - Plataforma Media

Presidente iraquiano revela desvio de 150 mil milhões de dólares por corrupção

O presidente iraquiano, Barham Saleh, revelou no domingo (23) que 150 mil milhões de dólares foram desviados e retirados do país desde a queda de Saddam Hussein em 2003, apresentando um projeto de lei para combater o flagelo da corrupção.

O presidente disse a repórteres que enviou um “texto crucial” ao parlamento que visa recuperar o dinheiro público desaparecido e processar os responsáveis.

Insistiu também para que os deputados aprovem a lei para “controlar essa prática omnipresente” no Iraque, um dos países mais afetados pela corrupção no mundo, segundo a ONG Transparência Internacional.

No entanto, o especialista em segurança e estratégia Fadel Abou Ragheef, que considera que “é uma das melhores leis propostas pelo executivo desde 2003, duvida que seja implementada. “Os partidos a que pertencem os deputados vão sabotá-la”, acrescentou à AFP.

Segundo uma fonte do setor bancário iraquiano, os políticos iraquianos conseguiram tirar 60 mil milhões de dólares do país em 18 anos, principalmente para o Líbano.

O chefe de Estado iraquiano disse que dos enormes lucros gerados pelo petróleo desde 2003, “cerca de 150 mil milhões de dólares deixaram o país”.

De acordo com a lei, transações de mais de 500 mil dólares serão analisadas, bem como contas bancárias de mais de um milhão de dólares.

Related posts
MundoPolítica

Drone dispara foguete contra aeroporto no Curdistão iraquiano

MundoReligião

Papa inicia hoje visita ao Iraque como “peregrino da paz”

LifestyleMundo

Iraque quer entrar na rota dos melhores destinos (e o Papa Francisco pode dar uma ajuda)

MundoSociedade

Papa cumpre desejo e visitará Iraque entre 5 e 8 de março

Assine nossa Newsletter