Grandes empresários brasileiros dizem não querer comprar vacina para funcionários - Plataforma Media

Grandes empresários brasileiros dizem não querer comprar vacina para funcionários

Argumento é que não faz sentido competir com o SUS na corrida por imunizante

Grandes empresários brasileiros afirmam que não pretendem comprar vacinas para a Covid-19 para que seus funcionários sejam imunizados no momento atual, passando à frente dos grupos prioritários no âmbito do sistema público.

A posição difere de iniciativas de nomes como Luciano Hang e Carlos Wizard, que defendem a possibilidade de compra de vacinas pelo setor privado para imunizar trabalhadores, doando uma parte para o SUS (Sistema Único de Saúde).

Leia mais em Folha de S. Paulo

Assine nossa Newsletter