Poeta de Myanmar morreu após detenção. O corpo foi devolvido à família sem órgãos - Plataforma Media

Poeta de Myanmar morreu após detenção. O corpo foi devolvido à família sem órgãos

O poeta Khet Thi foi detido este sábado durante os protestos contra o golpe de Estado em Myanmar (antiga Birmânia) e morreu na prisão. O seu corpo foi devolvido à família este domingo, mas os seus órgãos internos tinham sido removidos

Khet Thi e a esposa, Chaw Su, foram levados para interrogatório no sábado por soldados armados na cidade central de Shwebo, na região de Sagaing. Ela foi libertada, ele passou a noite na prisão.

No dia seguinte Chaw Su recebeu uma chamada para ir buscar o marido ao hospital de Monywa. Esperava encontrá-lo com ferimentos ligeiros, em vez disso foi encaminhada para a morgue. Khet Thi tinha morrido e os seus órgãos internos foram retirados.

O hospital disse a Chaw Su que o marido tinha problemas cardíacos, mas segundo a mesma não é verdade. Os militares tinham intenção de sepultar o corpo do poeta, mas a família exigiu que este fosse devolvido.

Leia mais em TSF

Assine nossa Newsletter