Prémio internacional distingue Instituto Confúcio da Universidade de Aveiro

Prémio internacional distingue Instituto Confúcio da Universidade de Aveiro

Dois docentes do Instituto Confúcio da Universidade de Aveiro, Chen Xiaoping e Kang Siyu, receberam o prémio “Professor Voluntário de Excelência 2020”, atribuído pelo Centro de Intercâmbio e Cooperação Sino-estrangeiro de Línguas, revelou hoje a Universidade.

“O Instituto Confúcio (IC-UA) viu o seu trabalho reconhecido internacionalmente com a atribuição de mais este prémio, a poucos dias de celebrar o seu 6º aniversário”, refere uma nota de imprensa da Universidade de Aveiro, a propósito da distinção concedida pelo Centro de Intercâmbio e Cooperação Sino-estrangeiro de Língua (antigo Hanban, China).

Aquele instituto da Universidade de Aveiro havia já sido distinguido em outras ocasiões, nomeadamente com os prémios “Mérito Cultural 2016”, atribuído pela Liga dos Chineses em Portugal (2016), “Melhor Criativo no 11.º Concurso de Proficiência em Chinês para Estudantes Estrangeiros do Ensino Secundário”, atribuído pelo Hanban ao seu aluno Francisco Silva (Kunming, 2018), “Confúcio do Ano 2018”, atribuído pelo Hanban (Chengdu, 2018) e “Diretor do Ano”, atribuído pelo Hanban a Carlos Morais (Changsha, 2019),

Inaugurado a 23 de abril de 2015, o IC-UA tem como principais missões “apoiar e promover o ensino da língua e da cultura chinesas em Portugal, reforçar a cooperação no domínio educativo entre a China e Portugal e desenvolver atividades de investigação no âmbito das relações sino-portuguesas, que contribuam para melhorar a compreensão mútua e a amizade entre estes dois países distantes, mas unidos por seculares relações históricas”.

O sexto aniversário do Instituto Confúcio da Universidade de Aveiro vai ser assinalado com a plantação de uma Ginkgo biloba (árvore originária da China, considerada um fóssil vivo) e a inauguração de uma instalação artística alusiva ao aniversário, da autoria de José Oliveira.

Fazem ainda parte do programa a 7.ª sessão de Rotas a Oriente – Ciclo de conferências (zoom), com a participação dos professores Luís Filipe Barreto (Universidade de Lisboa), Fernanda Ilhéu e Joana Campos (Amigos da Nova Rota da Seda e Universidade de Lisboa), o lançamento do primeiro de uma série de oito vídeos sobre gastronomia chinesa, intitulados “Paladares da cozinha chinesa: oito regiões, oito sabores” e a apresentação do Instagram e do canal youtube do IC-UA.

Related posts
ChinaMundo

Pompeo quer Instituto Confúcio da China fora dos EUA até ao final do ano

Assine nossa Newsletter