PGR admite complexidade no caso Isabel dos Santos - Plataforma Media

PGR admite complexidade no caso Isabel dos Santos

O procurador-geral da República, Hélder Pitta Grós, justificou, ontem, a morosidade do processo judicial contra a empresária Isabel dos Santos com a sua “complexidade”, além dos condicionalismos impostos pela pandemia da Covid-19.

Segundo Hélder Pitta Grós, os processos como o de Isabel dos Santos não se investigam em seis meses, nem num ano. “Há aqueles tipos de crimes que, pela sua complexidade, levam muito mais tempo e há alguns que requerem a intervenção da cooperação internacional, autorização de exames e perícias de documentação”, lembrou, em declarações à imprensa, depois de inaugurar o parlatório virtual (sala de viodeoconferência) do Hospital Prisão de São Paulo.

O alto magistrado do Ministério Público refutou, assim, as acusações de Isabel dos Santos, segundo as quais a Justiça angolana não é célere nem justa. Sobre a alegada “conspiração” de que se queixa a empresária, o procurador-geral da República respondeu que aquela era uma opinião dela, sobre a qual não tinha nada a comentar. Sublinhou que “a senhora engenheira Isabel dos Santos é livre de dizer aquilo que achar conveniente para a sua defesa”.

Hélder Pitta Grós apontou, ainda, a pandemia da Covid-19 como outra causa da morosidade do processo que envolve Isabel dos Santos. Lembrou que, desde o ano passado, as instituições do país não trabalham a 100 por cento. “Isso não é só em Angola, mas noutros países há, também, dificuldades no funcionamento das instituições”, referiu, justificando o tempo que dura a investigação. Para o procurador-geral da República, “o mais importante é que o trabalho está ser feito da melhor forma possível.”

Leia mais em Jornal de Angola

Related posts
AngolaPolítica

Isabel dos Santos diz-se alvo de "vingança pessoal" de João Lourenço

AngolaPortugal

Caixa Geral de Depósitos executa Isabel dos Santos

AngolaSociedade

Luanda Leaks: Num ano, muito mudou para Isabel, muito pouco mudou para Angola

AngolaSociedade

Isabel dos Santos terá de pagar 339,4 milhões de dólares à Sonangol

Assine nossa Newsletter