Pavilhão português revestido a cortiça em exposição no leste da China - Plataforma Media

Pavilhão português revestido a cortiça em exposição no leste da China

Um pavilhão revestido a cortiça e dedicado aos produtos portugueses foi hoje inaugurado na Exposição Internacional de Horticultura em Yangzhou, cidade do leste da China.

A Associação de Turismo Chinês em Portugal (ACTEP) foi convidada para desenhar o espaço, com uma área de 1.500 metros quadrados, incluindo um pavilhão de dois andares com 275 metros quadrados, cuja construção usou cortiça fornecida pela Corticeira Amorim, líder mundial do setor.

O espaço conferido a Portugal conta ainda com um jardim tradicional em torno de um sobreiro e uma mostra agrícola que inclui oliveiras, amendoeiras e vinhas.

No interior do espaço estão expostos vinhos portugueses e produtos de cortiça, incluindo postais, agendas, malas ou azulejos emoldurados naquele material.

“Esperamos que mais empresas portuguesas possam participar da feira de Yangzhou connosco para promoverem as suas cidades, regiões e produtos”, disse à Lusa o presidente da ACTEP, Yong Liang.

“Gostaríamos de ter todos os setores aqui representados”, apontou.

Yong destacou o potencial do mercado chinês para as empresas portuguesas do setor agroalimentar, incluindo vinhos e azeite.

O responsável estimou que o evento em Yangzhou receba mais de dez milhões de visitantes ao longo dos próximos seis meses.

A criação da ACTEP foi anunciada em fevereiro de 2020, para “trabalhar arduamente” com os vários atores da indústria do turismo, hotéis, restaurantes, comércio e agências de viagens, ajudando-os a lidar com o impacto da pandemia da covid-19 e também para ajudar a indústria a preparar-se para receber mais turistas.

O Cônsul-Geral de Portugal em Xangai, Israel Saraiva, o representante da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal, Mário Quina, e o delegado do Turismo de Portugal na China, Tiago Brito, participaram na cerimónia de abertura da Expo.

Situada no centro de Jiangsu, uma das mais ricas províncias da China, Yangzhou tem cerca de cinco milhões de habitantes.

Assine nossa Newsletter