Dezenas de personalidades pedem que vacinas sejam bem de interesse comum - Plataforma Media

Dezenas de personalidades pedem que vacinas sejam bem de interesse comum

No manifesto, alerta-se para a necessidade urgente de aumentar a velocidade do processo de vacinação a nível europeu. O ex-presidente do Infarmed é o principal impulsionador desta iniciativa que conta com o antigo diretor-geral da Saúde, Constantino Sakellarides, e o bispo Januário Torgal Ferreira entre os subscritores.

Dezenas de personalidades da sociedade portuguesa lançam esta quinta-feira um apelo público para que as vacinas contra a covid-19 sejam consideradas um bem de interesse comum e para que a Europa não submeta este processo às leis de mercado.

No ‘manifesto’ a que a Lusa teve acesso – que conta com o antigo presidente do Infarmed, José Aranda da Silva, como principal impulsionador e subscritores tão diversos como as ex-candidatas à Presidência da República Ana Gomes e Marisa Matias, o antigo diretor-geral da Saúde, Constantino Sakellarides, ou o bispo Januário Torgal Ferreira –, alerta-se para a necessidade urgente de aumentar a velocidade do processo de vacinação a nível europeu.

Leia mais em Diário de Notícias

Related posts
ChinaMundo

China salienta apoio à Índia, após publicação polémica em conta oficial

BrasilChina

Cidade chinesa em alerta devido a caso positivo de covid-19 após quarentena

MundoPolítica

Presidente das Filipinas recebe primeira dose da vacina chinesa Sinopharm

MundoSociedade

Equador proíbe exportação de oxigénio medicinal

Assine nossa Newsletter