Mais de 1.800 presos fogem da prisão na Nigéria após ataque - Plataforma Media

Mais de 1.800 presos fogem da prisão na Nigéria após ataque

Mais de 1.800 presos escaparam nesta segunda-feira de uma prisão do estado de Imo, no sudeste da Nigéria, após um ataque de “homens armados”, disseram os serviços penitenciários nigerianos. 

“Homens armados não identificados atacaram a prisão de Owerri por volta das 2h15 da madrugada desta segunda-feira, 5 de abril (…) e libertaram 1.844 detidos”, disse Francis Enoborre, porta-voz dos serviços penitenciários, especificando que explosivos foram usados na ação.

“Posso confirmar que o comando do Estado de Imo do Serviço Correcional Nigeriano foi atacado por pistoleiros desconhecidos em Owerri”, disse o porta-voz do serviço penitenciário estadual de Imo, James Madugba, à AFP, acrescentando que o número de presos fugitivos ainda não foi confirmado.

“A situação está sob controle”, disse ele.

Os agressores chegaram em picapes e ônibus antes de invadir as instalações, disse o comunicado da autoridade de correção.

O estado de Imo faz parte de uma região que há muito é um foco de grupos separatistas e onde as tensões entre as autoridades federais e a população indígena Igbo costumam ser altas.

O Povo Indígena de Biafra (IPOB) recentemente postou vídeos nas redes sociais de dezenas de seus milicianos em treinamento.

Mas o porta-voz do IPOB, Emmanuel Powerful, rejeitou qualquer envolvimento no ataque à prisão em um comunicado enviado à AFP, descartando quaisquer acusações como “mentiras”.

Assine nossa Newsletter