Jogador acusado de insultar Diakhaby reage: "Pelos vistos, não há presunção de inocência" - Plataforma Media

Jogador acusado de insultar Diakhaby reage: “Pelos vistos, não há presunção de inocência”

Juan Cala vai falar em conferência de imprensa esta segunda-feira.

A atualidade futebolística de domingo ficou marcada pelo caso de alegado racismo no jogo entre Cádiz e Valência (2-1), que levou os jogadores da equipa “che” a abandonarem o relvado à passagem dos 30 minutos.

Em causa terá estado um suposto insulto racista de Juan Cala, futebolista do Cádiz, ao francês Mouctar Diakhaby, que disse ao árbitro ter ouvido as palavras “preto de m…” da boca do adversário. Cala, por sua vez, manifestou-se “tranquilo” em relação à polémica.

Leia mais em O Jogo

Related posts
DesportoMundo

Clubes ingleses vão fazer três dias de 'apagão' nas redes sociais contra o racismo

BrasilLifestyle

Em aula online sobre racismo na USP, tenente-coronel da PM é chamado de 'macaco'

PortugalSociedade

Investigação da PJ provou ódio racial no homicídio de Bruno Candé

Cabo VerdeLifestyle

Primeira bailarina negra na Staatsballet Berlim luta contra o racismo no 'ballet'

Assine nossa Newsletter