"Não podemos vacinar mais do que estamos a vacinar." Principal problema é falta de vacinas - Plataforma Media

“Não podemos vacinar mais do que estamos a vacinar.” Principal problema é falta de vacinas

O coordenador da task force para a vacinação garante que, excluindo a falta de vacinas, o processo está a correr muito bem. Portugal já deu 1,5 milhões dos 1,8 milhões de vacinas que recebeu.

O vice-almirante Henrique Gouveia e Melo, coordenador da task force do plano de vacinação contra a Covid-19 em Portugal, mostra-se otimista quanto à forma como está decorrer a vacinação e garante que o país só não está a administrar mais vacinas porque elas ainda chegaram.

Entrevistado no Fórum TSF desta manhã, Gouveia e Melo afirmou que “podemos olhar para o copo e dizer que está meio cheio ou meio vazio, mas, neste caso, [o “copo” da vacinação] está muito cheio”.

Leia mais em TSF

Related posts
PortugalSociedade

"Variante Delta está disseminada pelo país. É como parar o vento com os dedos"

PortugalSociedade

Portugal tem hoje o dobro dos casos ativos de Covid-19 que existiam há um ano

PortugalSociedade

Testes recomendados em casamentos e batizados, eventos desportivos e empresas

PolíticaPortugal

Marcelo diz que "presidente nunca é desautorizado pelo primeiro-ministro"

Assine nossa Newsletter