Cai a confiança dos europeus na vacina da AstraZeneca

Cai a confiança dos europeus na vacina da AstraZeneca

A confiança dos europeus na vacina contra covid-19 da AstraZeneca e da Universidade de Oxford caiu nas últimas duas semanas, de acordo com uma pesquisa do YouGov divulgada nesta segunda-feira

Na França, Alemanha, Espanha e Itália, a maioria dos entrevistados via a vacina como mais perigosa do que segura, segundo o estudo, realizado entre 12 e 18 de março, em um contexto de preocupação com os possíveis efeitos colaterais do imunizante.

Seu uso foi suspenso em vários países diante de temores de que causasse coágulos sanguíneos, letais em alguns casos. Na quinta-feira, a Agência Europeia de Medicamentos (EMA) afirmou que a vacina é “segura e eficaz” e vários países retomaram sua administração, mas o impacto na opinião pública é evidente.

Na França, a desconfiança na vacina da AstraZeneca aumentou consideravelmente: 65% das pessoas que responderam acreditam que ela não é segura (+18 pontos em comparação com uma pesquisa de fevereiro), enquanto apenas 23% acreditam que ela é segura. Na Alemanha, 55% dos entrevistados a consideram perigosa (+15).

Na Itália e na Espanha, onde a maioria dos que foram ouvidos anteriormente considerava a vacina segura (54% e 59%, respectivamente), esses números caíram para 36% e 38%, proporções inferiores às da população que acredita que o imunizante “não é seguro”.

Já no Reino Unido, mais de três quartos dos entrevistados confiam na vacina do grupo sueco-britânico, embora o percentual tenha caído levemente para 77% (-4).

Na Suécia, 43% das pessoas acreditam que a vacina é segura e 34% que não; enquanto na Dinamarca, 42% a consideram segura e outros 42%, perigosa.

No entanto, a confiança nas vacinas contra o coronavírus da Pfizer e da Moderna não mudou.

O estudo foi conduzido com 1.672 adultos do Reino Unido, 2.024 da Alemanha, 1.022 da França, 1.016 da Itália, 1.050 da Espanha, 1.004 da Dinamarca e 1.017 da Suécia.

Related posts
Mundo

OMS designa como variante Lambda o SARS-CoV-2 presente na América Latina

MundoSociedade

UE adverte que campanhas de vacinação podem ignorar grupos vulneráveis

Desporto

Ameaça de expulsão para atletas que violam as regras anticovid em Tóquio

MundoSociedade

Quase um quarto dos pacientes com Covid-19 enfrentam problemas persistentes

Assine nossa Newsletter