Os números da pandemia. Portugal a descer, a UE a subir - Plataforma Media

Os números da pandemia. Portugal a descer, a UE a subir

Os números da UE 27 mostram que Portugal é o país que regista, per capita, os números menos maus de novos infetados por dia. De país mais infetado da UE a menos infetado foram quase dois meses de diferença.

Enquanto pela Europa fora vão surgindo indicações sobre o que pode ser o início de uma quarta vaga pandémica, Portugal, em contraciclo, vê os seus números a melhorar. Será, porventura, o resultado do confinamento geral iniciado em meados de janeiro e que só na segunda-feira passada começou a aliviar (embora “a conta-gotas”).

Os dados do Our World In Data mostram claramente que, no conjunto dos 27 estados-membros da União Europeia, Portugal é o que tem a mais baixa média per capita de novos infetados por dia (ver gráfico em baixo).

A situação contrasta, em absoluto, com a que ocorreu de meados de janeiro até ao final de primeira semana de fevereiro. Nesse período, Portugal foi o país da UE campeão em novos infetados diários por milhão de habitantes.

Os dados também confirmam que, na média da UE, a curva da evolução das novas infeções diárias é ascendente (desde meados de fevereiro) enquanto a de Portugal é abruptamente descendente desde o final de janeiro (pico da 3ª vaga), continuando atualmente nessa trajetória, embora menos acentuada.

A curva começou a descer no final de janeiro e em 7 de fevereiro Portugal já não era, per capita, o país com mais novos infetados por dia, passando para 2º lugar, ultrapassado pela República Checa. E a curva descendente prosseguiu, sempre a pique. Em 3 de março, o país já era, de toda a UE, aquele que registava a melhor evolução diária (per capita) de novos infetados, situação que mantém.

Em Portugal já morreram 16 762 pessoas vítimas de covid-19 desde o início da pandemia, segundo o boletim de hoje da DGS. E já se registaram cerca de 767 mil casos de infeção.

Leia mais em Diário de Notícias

Related posts
PortugalSociedade

"Variante Delta está disseminada pelo país. É como parar o vento com os dedos"

PortugalSociedade

Portugal tem hoje o dobro dos casos ativos de Covid-19 que existiam há um ano

EconomiaPortugal

Impacto da bazuca no PIB pode chegar a 2,4% e criar 50 mil empregos

MundoPolítica

UE: Estados-membros dão ‘luz verde’ a viajantes dos EUA

Assine nossa Newsletter