Acordo com a TAP aguenta a Groundforce por mais dois meses - Plataforma Media

Acordo com a TAP aguenta a Groundforce por mais dois meses

Aviação TAP e Pasogal firmaram acordo de princípio para uma operação de sale & leaseback que permitirá a entrada de dinheiro suficiente para a Groundforce pagar os salários.

Os acionistas da Groundforce – a Pasogal e a TAP – firmaram um princípio de acordo para uma operação que permitirá a entrada de quase sete milhões de euros nos cofres da empresa de handling. É um “balão de oxigénio” – que deverá ser concluído nesta sexta-feira – que vai permitir pagar salários (os trabalhadores receberam apenas 500 euros referentes a fevereiro) e cumprir com outras obrigações financeiras durante, estima Alfredo Casimiro, administrador da Pasogal, dois meses.

Leia mais em Dinheiro Vivo

Related posts
BrasilPortugal

Entre 600 a 800 portugueses ainda retidos no Brasil

BrasilPortugal

Covid-19: Portugueses retidos no Brasil queixam-se de custos do voo TAP e criticam Governo

BrasilPolítica

Voo da TAP do Brasil para Lisboa traz 100 pessoas em situação prioritária

EconomiaPortugal

TAP poupa 1300 milhões com negociação da frota

Assine nossa Newsletter