Datafolha: Rejeição a Bolsonaro na gestão da pandemia bate recorde e vai a 54% - Plataforma Media

Datafolha: Rejeição a Bolsonaro na gestão da pandemia bate recorde e vai a 54%

Para 43%, presidente é maior culpado pela crise da Covid; avaliação geral negativa está no pior nível.

A rejeição ao trabalho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na gestão da pandemia da Covid-19 disparou ao maior nível desde que a crise sanitária começou, há um ano.

Segundo o Datafolha, 54% dos brasileiros veem sua atuação como ruim ou péssima na semana em que foi apresentado o quarto ministro da Saúde de seu governo. Na pesquisa passada, realizada em 20 e 21 de janeiro, 48% reprovavam o trabalho de Bolsonaro.

Na rodada atual, o índice daqueles que acham sua gestão da crise ótima ou boa passou de 26% para 22%, enquanto quem a vê como regular foi de 25% para 24%. Não opinaram 1%.

O instituto ouviu por telefone 2.023 pessoas nos dias 15 e 16 de março. A margem de erro é de dois pontos para mais ou menos.

Consideram o presidente o principal culpado pela fase aguda da pandemia, que já matou mais de 280 mil no país e vê um colapso nacional do sistema de saúde devido ao pico de infecções, 43% dos ouvidos.

Leia mais em Folha de S.Paulo

Related posts
BrasilPolítica

Covid-19: Bolsonaro diz que infeção é mais eficaz do que vacina contra o vírus

BrasilPolítica

Bolsonaro avança na sua estratégia de ameaçar as eleições de 2022

BrasilPolítica

Após anúncio de Bolsonaro, Queiroga diz que para dispensar máscara é preciso vacinar população

BrasilPolítica

Juíz dá cinco dias para Bolsonaro explicar desrespeito por medidas sanitárias

Assine nossa Newsletter