Etiópia nega actos de “limpeza étnica” - Plataforma Media

Etiópia nega actos de “limpeza étnica”

O Governo etíope negou, este domingo, as denúncias dos Estados Unidos sobre acções de “limpeza étnica” praticadas na região de Tigray, território assolado, desde Novembro, por um conflito que envolve alegados crimes de guerra e violações de direitos humanos.

“Nada durante ou após a principal operação de repressão em Tigray pode ser identificado ou definido, por quaisquer padrões, como limpeza étnica intencional contra alguém”, declarou o Ministério das Relações Externas da Etiópia em comunicado, citado pela agência noticiosa EFE.

O Governo do Primeiro-Ministro, Abiy Ahmed, rejeitou, assim, a recente posição pública do secretário de Estado norte-americano, Antony J. Blinken, que intervinha, na quarta-feira, no Comité de Relações Exteriores do Congresso dos Estados Unidos, que aludiu expressamente a actos de limpeza étnica cometidos em Tigray, ao analisar o conflito e pedindo a retirada das tropas.

Leia mais em Jornal de Angola

Related posts
MundoSociedade

Final feliz para uma mãe que perdeu a filha nos bombardiamentos na Etiópia

MundoPolítica

Capital da Eritreia sofre novo ataque a partir de região rebelde da Etiópia

MundoPolítica

Abiy Ahmed, de Nobel da Paz à guerra na Etiópia

MundoSociedade

Mais de 150 mortos em protestos na Etiópia: oficiais

Assine nossa Newsletter