Macau rejeita relatório do Congresso dos Estados Unidos

Macau rejeita relatório do Congresso dos Estados Unidos

O Governo de Macau rejeita as menções feitas à região no relatório anual do Congresso norte-americano sobre a China. Através de um comunicado do Gabinete de Comunicação Social, o Executivo afirma que o documento “ignora os factos”.

O Governo de Macau devolve as críticas, dizendo que os Estados Unidos “falham na sua própria governação, mas criticam os assuntos internos de Macau”.

O Executivo considera que “esta prática de jogar com dois pesos e duas medidas é ridícula e impopular”. Nesse sentido, “a RAEM expressa a sua firme oposição”.

No documento relativo a 2020, a Comissão Executiva do Congresso norte-americano foca-se em três pontos: democracia, liberdade de imprensa e tráfico humano.

O relatório indica que “não foram observados progressos em relação ao sufrágio universal no último ano.”

Leia mais em TDM

Artigos relacionados
MundoPolítica

Governador de Nova York acusado de assédio sexual por segunda mulher

MundoPolítica

Trump fará primeiro discurso público após deixar presidência

EconomiaMundo

Tratado com Canadá e México será prioridade para os EUA

EconomiaMundo

Dólar digital poderia ser benéfico para a economia dos EUA

Assine nossa Newsletter