Morreu Braguinha, um dos mecenas de Ayrton Senna e Fittipaldi - Plataforma Media

Morreu Braguinha, um dos mecenas de Ayrton Senna e Fittipaldi

Empresário brasileiro tinha 94 anos e vive em Sintra. Ajudou vários desportistas brasileiros como Pelé e Gustavo Kuerten. Vai ser sepultado no Minho.

O empresário brasileiro António Carlos de Almeida Braga, conhecido como Braguinha, morreu aos 94 anos de idade, em Portugal, tendo ficado na história por ter financiado os pilotos Ayrton Senna e Emerson Fittipaldi, o tenista Gustavo Kuerten e o antigo futebolista Pelé. Os patrocínios deste empresário foram determinantes para a afirmação brasileira da vela e do voleibol como desportos olímpicos.

“O desporto brasileiro está de luto. O meu querido amigo Braguinha foi descansar em paz com nosso Pai Celestial. Meus sentimentos a Lu e toda família Almeida Braga. O Braguinha é um património do desporto brasileiro, e agora será um património eterno na história do Brasil. Muito obrigado por tudo que fez pelo desporto e atletas brasileiros. Quando chegava na quadra, no estádio, no autódromo, ele sempre era uma luz, alegria e motivação. Muito obrigado por tudo que você fez por nós todos. Descanse em paz, te amamos muito”, escreveu o antigo piloto Emerson Fittipladi nas redes sociais, patrocinado por António Carlos Braga desde que entrou na Fórmula 1 em 1970. Foi graças à sua ajuda que venceu dois títulos mundiais.

Leia mais em Jornal de Notícias

Artigos relacionados
BrasilDesporto

F1 confirma GP de São Paulo em Interlagos até 2025

Desporto

"Schumacher está a ser tratado para ser capaz de retomar uma vida normal"

DesportoMundo

Preocupação com segurança marca atípico GP de Sakhir da F1

DesportoMundo

Lewis Hamilton testa positivo para a Covid-19

Assine nossa Newsletter