"Será difícil" evitar 140 mortes diárias, mesmo em confinamento c - Plataforma Media

“Será difícil” evitar 140 mortes diárias, mesmo em confinamento c

O primeiro-ministro e líderes partidários reúnem-se esta terça-feira com especialistas para avaliar a situação epidemiológica da covid-19 em Portugal. A reunião antecede a decisão sobre as medidas que vão definir um novo confinamento.

Os especialistas hoje ouvidos traçaram cenários pessimistas sobre o andamento da pandemia em Portugal. Manuel Carmo Gomes, da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, diz que, mesmo confinamento, será “difícil evitar” que os internamentos em cuidados intensivos atinjam os 700 e que o país ultrapasse as 140 mortes diárias. A 24 de janeiro, a previsão é de que venham a existir 154 óbitos, afirmou.

Leia mais em Jornal de Notícias

Artigos relacionados
PortugalSociedade

Governo português quer acabar com cafés ao postigo e admite reforço policial

Política

Marcelo diz que Governo não previu terceira vaga da pandemia

PortugalSociedade

A partir de hoje já não é possível comprar roupa ou livros nos supermercados

PortugalSociedade

Lista de espera nos crematórios e morgues hospitalares cheias

Assine nossa Newsletter