Refugiados angolanos regressam da Zâmbia - Plataforma Media

Refugiados angolanos regressam da Zâmbia

Pelo menos, 35 cidadãos angolanos que viviam na condição de refugiados no centro de acolhimento de Mayukuayukua, na República da Zâmbia, regressaram definitivamente ao país e foram alojados, desde o dia 29 de Dezembro de 2020, na sede comunal do Missombo, a 16 quilómetros da cidade de Menongue, província do Cuando Cubando.

Consta do grupo de refugiados, quatro homens, nove mulheres e 22 crianças, correspondente a oito famílias, que foram acomodadas em quatro residências sociais do tipo T-3, erguidas na comuna do Missombo.

Miguel Marcos, de 50 anos, 19 dos quais vividos na Zâmbia, disse que decidiu regressar definitivamente a Angola devido às condições difíceis no centro de acolhimento de Mayukuayukua, onde dependiam de terceiros ou de ajuda humanitária para se alimentarem e vestirem.

Explicou que, por este motivo, em princípios do ano passado, solicitaram ajuda do Consulado de Angola na Zâmbia que, em Agosto, criou todas as condições para que regressassem ao país a partir de Santa Clara, província do Cunene, passando pela Namíbia.

Acrescentou que, depois de 30 dias, foram transferidos de Santa Clara para a cidade de Ondjiva, onde permaneceram quatro meses aos cuidados da Direcção Provincial da Família, Promoção da Mulher e Acção Social do Cunene.

Leia mais em Jornal de Angola

Artigos relacionados
AngolaSociedade

Administração de Viana garante apoio aos ‘refugiados

MundoPolítica

UE/Presidência: ACNUR pede liderança a Portugal na questão dos refugiados

MundoPolítica

União Europeia denuncia condição de migrantes na Bósnia

AngolaPolítica

Mais de 3 mil perdem estatuto de refugiados

Assine nossa Newsletter