Compromisso para a reanimação da economia - Plataforma Media

Compromisso para a reanimação da economia

O Executivo está apostado na reanimação do sector produtivo e na diversificação da economia nacional. As ex-pectativas estão nos programas e medidas para melhoria do ambiente de negócios, em que se destacam o Programa de Apoio ao Crédito (PAC), o de Privatizações (PROPRIV), o Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM), o Plano de Acção para a Promoção da Empregabilidade (PAPE) e o Reforço do Processo de Regularização de Atrasados.

Juntam-se a essas iniciativas do Executivo, os estímulos do Banco Central para o financiamento da economia. O Programa de Apoio ao Crédito (PAC) dá corpo às linhas mestras do PRODESI, aplicando-se aos projectos de investimento que contribuam directa ou indirectamente para a produção interna de bens essenciais. 

O programa visa viabilizar o acesso ao financiamento para os investimentos privados inseridos na cadeia de produção e comercialização de 54 bens da cesta básica e outros bens prioritários de origem nacional inscritos no PRODESI. Para materialização deste programa, o Executivo assinou memorandos de implementação com oito bancos comerciais locais na qual comprometeram-se a disponibilizar Kz 141 mil milhões de crédito à economia real. 

Leia mais em Jornal de Angola

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Artigos relacionados
AngolaPolítica

PGR angolana enviou cartas rogatórias para ouvir filho de Carlos São Vicente em Portugal

AngolaPolítica

Oficiais angolanos admitem manifestar-se nus para exigir pagamento de dívidas

AngolaSociedade

Mulheres representaram 13 por cento dos mediadores de paz e segurança

AngolaSociedade

Psicólogo considera sociedade angolana à beira da imoralidade

Assine nossa Newsletter