UE financia projectos de redução da pobreza em Angola - Plataforma Media

UE financia projectos de redução da pobreza em Angola

O projecto FRESAN, financiado pela União Europeia, vai disponibilizar 14,6 milhões de euros para financiar projectos de organizações da sociedade civil , de redução da pobreza e vulnerabilidade à insegurança alimentar e nutricional.

Segundo uma nota do Centro Cultural Português citado ontem pela Lusa, o Projecto FRESAN – Fortalecimento da Resiliência e da Segurança Alimentar e Nutricional em Angola, gerido parcialmente e co-financiado pelo Instituto Camões abriu candidaturas até 30 de Março para o co-financiamento de organizações da sociedade civil.

O valor disponibilizado de 14,6 milhões de euros vai subvencionar acções de fortalecimento sustentável à insegurança alimentar e nutricional nas províncias do Cunene, Huíla e Namibe.

“O convite divide-se em dois lotes para uma subvenção máxima de 1.500.000 euros por projecto em cada lote”, refere-se na nota.

Leia mais em Jornal de Angola

Artigos relacionados
BrasilSociedade

Sem auxílio emergencial, Brasil deve ter mais de 20 milhões em pobreza extrema

MoçambiquePolítica

UE/Presidência: Aprovada resolução para dar prioridade à crise humanitária em Moçambique

AngolaPolítica

João Lourenço escreve a responsáveis da UE

MundoPolítica

Plataformas podem ser obrigadas na UE a partilhar dados para evitar motins como nos EUA

Assine nossa Newsletter