Há cada vez mais portugueses a sonhar com a imunização - Plataforma Media

Há cada vez mais portugueses a sonhar com a imunização

Cerca de 62% dos inquiridos querem tomar a vacina para a covid-19 logo que seja possível. Confiança é maior no SNS que no Governo.

Há cada vez mais portugueses dispostos a tomar a vacina para a covid-19. Num mês, a percentagem de pessoas que manifestou essa vontade subiu 8% e continuam a ser os idosos e a população do Norte, região do país onde o número de infeções é superior, a expressar maior disponibilidade ao barómetro da Aximage para o JN e a TSF.

Se, no barómetro de novembro, 54% dos inquiridos davam conta da intenção de tomar a vacina, assim que estivesse disponível, já em dezembro essa ambição é assinalada por 62%. A vontade é maioritária em todas as regiões, com especial relevância no Norte: passou de 63% em novembro para 71% neste mês. O interesse pela vacina está a agigantar-se com o aproximar do momento em que arrancará a imunização da população prioritária. Sendo voluntária, os idosos são aqueles que demonstram maior vontade: 73% querem ser vacinados de imediato. Há um mês, eram 69%.

O segundo grupo etário que também anseia pela imunização é o dos portugueses entre 50 e 64 anos: 65% só esperam pela chamada do Serviço Nacional de Saúde (SNS). Em comparação com os resultados do barómetro do mês passado, continua a verificar-se um maior interesse entre os homens (67%) do que entre as mulheres (57%).

Leia mais em Jornal de Notícias

Artigos relacionados
MundoPortugal

Covid-19: Campanha de vacinação na União Europeia arranca hoje

EconomiaMundo

A “Silicon Valley” das farmacêuticas onde é produzida a vacina da Pfizer

PortugalSociedade

Quer saber quando vai ser vacinado? Este simulador português diz-lhe

PortugalSociedade

Chegaram as primeiras vacinas. "Há luz ao fundo do túnel", diz Costa

Assine nossa Newsletter