Bolsonaro indulta todos os polícias que assassinaram no "exercício da sua função" - Plataforma Media

Bolsonaro indulta todos os polícias que assassinaram no “exercício da sua função”

“Polícias federais, polícias civis, polícias militares e bombeiros, entre outros, que, no exercício das suas funções ou como consequência delas, tenham cometido crimes culposos ou sem intenção, serão contemplados no decreto”, dirá o texto

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, deu esta quinta-feira [ontem] um indulto aos polícias e militares que estão na prisão condenados por terem assassinado suspeitos no exercício das suas funções, tal como tinha feito no ano passado.

O indulto, concedido tradicionalmente na época do Natal, será publicado na sexta-feira [hoje] no Diário Oficial, mas fontes da presidência adiantaram à agência Efe que será semelhante ao ditado no ano passado por Bolsonaro.

Leia mais em Diário de Notícias

Assine nossa Newsletter