Vacinação no Reino Unido. O primeiro dia do resto da pandemia - Plataforma Media

Vacinação no Reino Unido. O primeiro dia do resto da pandemia

Vacina contra a Covid-19 começou a ser administrada nesta terça-feira em todo o território britânico. Pfizer veio repetir garantias de segurança.

Oprimeiro dia de vacinação contra a covid-19 centrou os olhos do mundo no Reino Unido, nesta terça-feira, com a esperança de que este seja o primeiro dia em que a pandemia entra em contagem decrescente. Cerca das 06.30 da manhã, Margaret Keenan, que completará 91 anos na próxima semana, foi a primeira pessoa a receber a vacina da Pfizer e da BioNTech, no Hospital Universitário de Coventry, no centro de Inglaterra.

Segundo a BBC, que cita fontes do serviço nacional de saúde inglês, “milhares de pessoas foram vacinadas” ao longo desta terça-feira – mas o número não foi precisado por fontes oficiais. A vacina começou a ser administrada em cerca de meia centena de hospitais, em todo o país, que estão já a agendar a administração da segunda dose da vacina para daqui três semanas. De acordo com as autoridades de saúde há 800 mil vacinas disponíveis para as próximas semanas e no final do mês deverão chegar quatro milhões de doses. Para já, segundo o plano traçado pelas autoridades de saúde inglesas, será dada prioridade aos idosos com mais de 80 anos, aos residentes e funcionários de lares de idosos e aos profissionais de saúde com riscos acrescidos de contágio.

Leia mais em Diário de Notícias.

Artigos relacionados
ChinaSociedade

Wuhan completa 1 ano do primeiro confinamento contra o coronavírus

PortugalSociedade

Portugal passa os 10 mil mortos por covid-19 em dia de novos máximos

MundoSociedade

Pandemia já fez mais de 2,1 milhões de mortos a nível mundial

MundoSociedade

Países europeus proíbem uso de máscaras de pano na rua

Assine nossa Newsletter