Polícia em Macau investigado por acesso indevido a dados pessoais - Plataforma Media

Polícia em Macau investigado por acesso indevido a dados pessoais

Um investigador da Polícia Judiciária (PJ) é suspeito de abuso de poder e acesso indevido a dados pessoais. O caso foi revelado hoje pelo Comissariado contra a Corrupção (CCAC) e está já no Ministério Público.

O agente terá consultado, em 2019, “dados de migração” de um homem e uma mulher, alegadamente por motivos pessoais.

Em comunicado, o CCAC revela ainda ter concluído outra investigação que envolve um funcionário do Instituto para os Assuntos Municipais, supeito de falsificação de documentos.

Leia mais em TDM

Artigos relacionados
ChinaMundo

China não vai pedir dados internacionais a empresas chinesas no estrangeiro

Hong KongPolítica

Dados pessoais: Google deixa de responder a pedidos das autoridades de Hong Kong

Assine nossa Newsletter