Pelo quinto dia seguido, protestos fecham ruas na Polónia após Justiça proibir aborto - Plataforma Media

Pelo quinto dia seguido, protestos fecham ruas na Polónia após Justiça proibir aborto

Liderada por mulheres, reação tem mirado Igreja Católica e governo conservador

Milhares de pessoas bloquearam ruas e cruzamentos nesta segunda-feira (26) em diversas cidades na Polônia, no quinto dia seguido de atos contra decisão da Justiça que proibiu uma das únicas formas de aborto legal no país. A decisão do Tribunal Constitucional, anunciada na quinta-feira (22), fez a população sair às ruas contra a medida, o governo e a Igreja Católica.

Liderados por mulheres jovens, os manifestantes carregavam cartazes com mensagens como “o inferno das mulheres”, “vocês têm as mãos manchadas de sangue”, “chega”, “não serei sua mártir” e “quero escolha, não terror”. Catedrais foram alvo de manifestações —houve ainda enfrentamentos com grupos de extrema direita que tentavam impedir o acesso aos locais religiosos.

Leia mais em Folha de S.Paulo.

Artigos relacionados
LifestyleMundo

Piscina mais funda do mundo é inaugurada na Polónia

Assine nossa Newsletter