Défice não é preocupação central do Governo para 2021 - Plataforma Media

Défice não é preocupação central do Governo para 2021

O secretário de Estado Adjunto e dos Assuntos Fiscais afirmou esta terça-feira que a redução do défice não é a preocupação central da proposta de Orçamento para 2021 e que a descida projetada decorrerá do crescimento económico.

Esta posição foi transmitida por António Mendonça Mendes em conferência de imprensa, na Assembleia da República, após ser confrontado com críticas de partidos como o PCP por o Governo se preparar para reduzir o défice do atual intervalo de 7% a 7,5% para um valor próximo dos 4% em 2021.

Falando no final da série de reuniões em que o Governo apresentou as linhas gerais da sua proposta de Orçamento aos partidos, o secretário de Estado Adjunto e dos Assuntos Fiscais salientou que a questão do défice não é central na política orçamental para o próximo ano.

Neste ponto, António Mendonça Mendes começou por observar que, neste momento, por decisão da União Europeia, estão suspensas as regras relativamente a défices excessivos por parte dos Estados-membros.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter