Bolsonaro pode bloquear usuários nas redes sociais, opina Aras - Plataforma Media

Bolsonaro pode bloquear usuários nas redes sociais, opina Aras

O procurador-geral da República Augusto Aras voltou a defender o bloqueio imposto pelo presidente Jair Bolsonaro a usuários das redes sociais.

A nova manifestação do PGR foi encaminhada em processo movido por um advogado bloqueado pela conta pessoal do presidente no Instagram e se soma a outros dois pareceres sobre o mesmo tema, relacionados a perfis no Twitter.

Na visão de Aras, as contas pessoais de Bolsonaro nas redes sociais não possuem caráter oficial e, por isso, não podem ser enquadradas nas obrigações da administração pública, como o princípio constitucional da publicidade.

“Apesar de a conta pessoal do presidente da República ser utilizada para informar os demais usuários da rede social acerca da implementação de determinadas políticas públicas ou da prática de atos administrativos relevantes, as publicações no Instagram não têm caráter oficial e não constituem direitos ou obrigações da administração pública”, opinou Aras.

Leia mais Istoé

Artigos relacionados
LifestyleMundo

Modelo é ameaçada de morte após ajudar mulheres e descobrirem namorados infiéis

BrasilPolítica

Bolsonaro imita apelo de Chávez na Venezuela e pede aos brasileiros para não demorarem no banho

BrasilPolítica

Procurador aponta novos indícios de irregularidades na campanha de Bolsonaro em 2018

BrasilPolítica

Forças alternativas a Bolsonaro-Lula vão governar metade das capitais estaduais brasileiras

Assine nossa Newsletter