Encontradas 239 garrafas de plástico na costa de Macau

Encontradas 239 garrafas de plástico na costa de Macau

Nem só de paisagem natural é composta a costa. A Ocean Conservancy revela que no ano passado se encontraram mais de nove mil toneladas de lixo por todo o mundo. Nas praias de Macau foram encontrados 1.999 itens, que perfazem um total de 133 quilos de lixo

As embalagens de comida foram o lixo mais comum encontrado nas praias em 2019. Foram recolhidas por mais de 900 mil voluntários cerca de 4,7 milhões destas embalagens, espalhadas por mais de 100 países e regiões. Os dados são do relatório de 2020 da Organização Não-Governamental Ocean Conservancy, que no caso de Macau revela que as garrafas de plástico foram o lixo mais encontrado.

Na RAEM, participaram 110 pessoas na limpeza anual das praias no ano passado, mais dez do que no ano anterior. Limparam 0.4 quilómetros de costa, ao longo dos quais encontraram 1.999 itens, que representam 133 quilos de lixo. Em 2018, em 0.5 quilómetros tinham sido recolhidos 358 quilos.

O relatório agora divulgado revela que foram encontradas na costa de Macau 239 garrafas de plástico, 198 pacotes de comida, 184 tampas de garrafas de plástico e 108 embalagens de take-away. Mas o top 10 de produtos que dão à costa também abrangem pontas de cigarro, palhinhas, sacos de compras e outro tipo de lixo de plástico.

Leia mais em Hoje Macau

Artigos relacionados
MundoSociedade

Com crise climática, América Central vê escalada de homicídios de ambientalistas

BrasilSociedade

Jovens ativistas arrecadam 160 mil euros para a Amazónia

ChinaMundo

Vida selvagem regressa ao planalto Qinghai-Tibete

MundoPolítica

Departamento de Defesa dos EUA não autoriza exploração de mina polémica no Alasca

Assine nossa Newsletter