Comunidade da África Austral prepara-se para intervir em Cabo Delgado - Plataforma Media

Comunidade da África Austral prepara-se para intervir em Cabo Delgado

 O Presidente sul-africano, Cyril Ramaphosa, disse hoje que a Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) está a planear intervir no conflito em Cabo Delgado, norte de Moçambique

“A nível da SADC [Comunidade de Desenvolvimento da África Austral], sim, a questão [da insegurança no norte de Moçambique] está a ser discutida extensivamente com base em ‘briefings’ do próprio Governo de Moçambique“, declarou Cyril Ramaphosa, Presidente da África do Sul.

“O Presidente Nyusi é agora o presidente da nossa região SADC e estamos envolvidos através de várias outras estruturas da SADC para estarmos bem informados e ver até que ponto podem ser montados planos para lidar com o desafio de segurança que enfrentamos lá [em Cabo Delgado]”, adiantou.

O chefe de Estado sul-africano, que não especificou o tipo de intervenção da SADC, falava hoje aos jornalistas no final de uma conferência de imprensa virtual sobre a mais recente vaga de mega corrupção no seio do partido no poder, o Congresso Nacional Africano (ANC, na sigla em inglês), do qual também é presidente, relacionada com o combate à pandemia da covid-19.

Ramaphosa convocou este fim de semana uma reunião especial de dois dias da direção do ANC, para tentar evitar um desafio à sua liderança por parte de fações rivais aliadas ao antigo chefe de Estado, Jacob Zuma, que se opõem às medidas de combate à corrupção e implementação de reformas económicas anunciadas desde que assumiu o poder em 2018.

A polícia sul-africana está a investigar o alegado envolvimento de sul-africanos no conflito armado no norte de Moçambique.

Artigos relacionados
MoçambiquePolítica

Portugal admite enviar militares para combater terroristas em Moçambique

MoçambiqueSociedade

Casamentos forçados aos 11 anos para famílias sobreviverem em Moçambique

MoçambiqueMundo

Cabo Delgado: Mais de 500 detidos na Tanzânia serão extraditados para Moçambique

MoçambiquePolítica

Cabo Delgado: No ataque terrorista à missão católica "só ficaram mesmo as paredes"

Assine nossa Newsletter