Máscara pode vir a ser obrigatória em crianças e ruas movimentadas em Portugal - Plataforma Media

Máscara pode vir a ser obrigatória em crianças e ruas movimentadas em Portugal

Especialistas estão a rever as normas em vigor sobre a utilização de máscaras, tendo em conta as novas orientações da OMS que aconselham o uso a crianças a partir dos seis anos. Há ainda a hipótese de passar a ser necessário usar máscara em ruas movimentadas

A Direção-Geral da Saúde (DGS) está a estudar a possibilidade de uso obrigatório de máscaras para crianças a partir dos seis anos e para todas as pessoas em espaços públicos, confirmou, esta sexta-feira, em conferência de imprensa, a diretora-geral da Saúde.

Esta revisão da norma será sempre proporcional ao risco das diferentes atividades, segundo Graça Freitas. “Ir a uma rua movimentada numa cidade é diferente de passear o cão às 22:00 numa zona não movimentada. Portanto, teremos de ter esse bom senso e sentido da proporcionalidade” na hora de rever as orientações sobre o uso de máscaras, continua a diretora-geral da Saúde.

Os especialistas da DGS estão a revisitar a norma em vigor a partir de três aspetos. Um será baseado na recém-publicada orientação da Organização Mundial de Saúde que recomenda a utilização de máscaras a crianças a partir dos seis anos. “Esse é um fator que estamos a estudar, a DGS com os seus colaboradores, sobretudo na área da pediatria, mas também na área do programa de prevenção e controlo da infeção”, informou Graça Freitas.

Leia mais em Diário de Notícias

Este artigo está disponível em: English

Related posts
PortugalSociedade

DGS recomenda uso de máscaras em bares e discotecas

Lifestyle

As máscaras caem, mas as marcas ficam

PortugalSociedade

Uso de máscara obrigatório em instituições de ensino superior

PolíticaPortugal

Covid-19: DGS responde a Marcelo e explica isolamento do primeiro-ministro

Assine nossa Newsletter