Comissário europeu do comércio demite-se após violar regras da covid-19 num jantar - Plataforma Media

Comissário europeu do comércio demite-se após violar regras da covid-19 num jantar

O irlandês Phil Hogan, envolvido numa polémica após ter participado num jantar, na Irlanda, onde foram violadas as regras sanitárias da covid-19, apresentou a demissão, avança o jornal Politico.eu.

“Esta noite apresentei a minha demissão como comissário europeu para o Comércio à presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen”, anunciou Phil Hogan numa declaração oficial divulgada pelo executivo comunitário.

“Estava a tornar-se cada vez mais claro que a controvérsia relativa à minha recente visita à Irlanda estava a ser uma distração do meu trabalho como comissário europeu e iria afetar o meu papel nas peças-chave que se seguiriam”, acrescentou o responsável irlandês.

Já esta terça-feira, o comissário europeu do comércio Phil Hogan reconheceu que ter marcado presença num jantar sem cumprimento das restrições contra a pandemia de covid-19 foi um “erro” que o enfraqueceu em Bruxelas.

Phil Hogan visitou o seu país entre 31 de julho e 21 de agosto e, na quarta-feira da semana passada, participou num jantar de comemoração dos 50 anos do clube de golfe do parlamento irlandês, com 82 convidados, entre os quais o então ministro da Agricultura, Dara Calleary, que se demitiu do cargo na sexta-feira.

Em entrevista ao canal público irlandês RTE, Phil Hogan disse sentir-se “envergonhado” após o “erro cometido”, apesar de ter testado negativo para a covid-19 e de ter feito “tudo o que era possível para não colocar ninguém em risco”.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter