Alemanha diz que opositor russo foi "provavelmente" envenenado - Plataforma Media

Alemanha diz que opositor russo foi “provavelmente” envenenado

Após o opositor russo Alexei Navalny ser internado em Berlim, o governo alemão informou nesta segunda-feira (24) que o político foi “provavelmente” envenenado. O russo chegou ao país neste domingo (23) e está internado na unidade de terapia intensiva do hospital Charitè. 

“Trata-se de um paciente que, de maneira muito provável, foi vítima de um ataque com veneno”, disse o porta-voz do governo de Angela Merkel, Steffen Seibert, à imprensa.   

O representante deu a resposta após ser questionado sobre os motivos do forte esquema de segurança montado para proteger Navalny e seus parentes em território alemão. Seibert confirmou que a agência federal de investigações (BKA) está fazendo a proteção do russo e ressaltou que o governo do país “leva muito a sério” a suspeita de que alguém tenha envenenado o líder da oposição.   

Sobre os boletins médicos que devem ser divulgados, o porta-voz de Merkel ressaltou que “só os médicos e a família poderão dar informações sobre as condições de saúde” do advogado de 44 anos e que o pedido do governo “é de que haja plena transparência”. Navalny foi internado na última quinta-feira (20) após passar mal em um voo entre a Sibéria e Moscou. Ele foi levado às pressas para o hospital de emergência de Omsk, onde foi para a unidade de terapia intensiva em coma. 

Leia mais em Istoé

Artigos relacionados
Política

Rússia acusa YouTube de censura e propõe plataformas nacionais para o substituir

Sociedade

'Estrada dos ossos' na Rússia esconde relíquias de sofrimento e desespero do gulag de Stálin

Sociedade

Rússia abre processo criminal e lança megaoperação contra Testemunhas de Jeová

LifestyleMundo

Falta de comida leva ursos a atacar túmulos na Rússia

Assine nossa Newsletter