Milhares pedem em Berlim fim das restrições por causa da Covid-19 - Plataforma Media

Milhares pedem em Berlim fim das restrições por causa da Covid-19

Na marcha são visíveis várias faixas que aludem a uma “conspiração” orquestrada pela indústria farmacêutica e pelo bilionário norte-americano Bill Gates, slogans anti vacinas e frases de extrema-direita exigindo o “fim de Angela Merkel”.

Milhares de manifestantes estão este sábado nas ruas de Berlim em protesto contra as restrições impostas pela pandemia de covid-19 e apesar do aumento de novas infeções, tendo sido convocados por diversas organizações, incluindo de extrema-direita.

A marcha começou nas proximidades do emblemático Portão de Brandenburgo e dirige-se à Coluna da Vitória, estando agendada uma grande reunião para este sábado à tarde com o objetivo de celebrar “o fim da pandemia”.

Entre os manifestantes, que atingem as 7.000 pessoas, de acordo com a televisão pública regional RBB, contam-se pequenos comerciantes descontentes com as restrições à vida pública e grupos de pessoas que consideram as limitações como um ataque ao direito a ter liberdade de movimentos.

Na marcha são visíveis várias faixas que aludem a uma suposta “conspiração” orquestrada pela indústria farmacêutica e pelo bilionário norte-americano Bill Gates, ‘slogans’ anti vacinas e frases de extrema-direita exigindo o “fim de Angela Merkel”.

Leia mais em TSF

Artigos relacionados
MundoSociedade

"Abrir e fechar escolas seria desastroso", avisa especialista sueco

MundoSociedade

"Pandemia é resposta biológica do planeta", diz físico Fritjof Capra

MundoSociedade

Estados Unidos com mais de cinco milhões de casos desde o início da pandemia

MundoSociedade

Nicolás Maduro prolonga quarentena até 13 de setembro na Venezuela

Assine nossa Newsletter