Pedro Nuno Santos diz que é preciso aprender com acidente com Alfa - Plataforma Media

Pedro Nuno Santos diz que é preciso aprender com acidente com Alfa

Ministro das Obras Públicas e Infraestruturas esteve no local do descarrilamento. Acidente com Alfa pendular aconteceu em Soure, perto de Coimbra, quando seguia viagem no sentido Sul-Norte. No comboio seguiam 212 passageiros. Resultaram dois mortos, seis feridos graves e 19 feridos ligeiros.

Um Alfa pendular descarrilou esta sexta-feira na Linha do Norte em Soure, perto de Coimbra, quando seguia viagem no sentido Sul-Norte. No comboio seguiam 212 passageiros, de acordo com o presidente da Junta de Freguesia de Soure, Santos Mota., em declarações ao DN.

O descarrilamento do comboio Alfa Pendular, na linha do Norte, após colidir com uma máquina de trabalhos da Infraestruturas de Portugal, provocou dois mortos, seis feridos graves e 19 feridos ligeiros, disse o comandante distrital de operações de Coimbra, Carlos Luís Tavares, que fazia um ponto de situação no local.

De acordo com o comandante, as duas vítimas mortais eram os únicos ocupantes da máquina da Infraestruturas de Portugal.

O Alfa Pendular seguia no sentido Sul-Norte, saiu de Santa Apolónia, em Lisboa, às 14:00, e tinha como destino final Braga. O acidente ocorreu perto da vila de Soure, mais concretamente junto à localidade de Matas, na região Centro.

O ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, está no local do acidente.

“A resposta [ao acidente] foi rápida e adequada, infelizmente o acidente deixa marcas; deixou duas mortes e vários feridos”, disse o ministro.

“Acreditamos e apostamos na ferrovia. Temos de aprender com o que aconteceuNão está em causa a operação ferroviária em Portugal. O Alfa Pendular é uma máquina muito moderna, a sinalização também, é tecnologia avançada. Temos de perceber o que aconteceu e aguardar pelo relatório [da investigação ao acidente]”, reforçou Pedro Nuno Santos.

Na origem do acidente estará o choque frontal entre a composição e uma máquina de manutenção que operava na linha.

“Essa máquina estava no sítio errado. O Alfa passa aqui a uma alta velocidade”, disse ao DN o presidente da junta de Soure, acrescentando que o acidente aconteceu muito perto da estação – e da vila – e que os moradores próximos “ouviram um grande estrondo”.

Um dos feridos graves é o motorista do Alfa pendular, que ficou encarcerado, mas não corre risco de vida, segundo Carlos Tavares, Comandante da Distrital de Operações de Socorro de Coimbra da Autoridade Nacional de Proteção Civil.​​​​​, em direto à SIC Notícias.

“Pensei que ia morrer. As pessoas gritavam e deitavam-se no chão”

Os passageiros que seguiam no Alfa Pendular foram levados para um hospital de campanha no pavilhão municipal de Soure.

Leia mais em Diário de Notícias

Artigos relacionados
PortugalSociedade

Portugal: Nove meios aéreos e 160 operacionais combatem fogo no parque do Gerês

PortugalSociedade

Constituição e pandemia: uma história de atropelos?

PortugalSociedade

Mais uma morte e 153 novos casos de covid-19 em Portugal

PortugalSociedade

Há zonas do mundo onde já pode existir imunidade de grupo para o coronavírus

Assine nossa Newsletter