Início » OMS avisa que efeitos do coronavírus vão continuar por décadas

OMS avisa que efeitos do coronavírus vão continuar por décadas

Os efeitos do coronavírus vão continuar “a ser sentidos nas próximas décadas”, afirmou o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, durante a quarta reunião do Comité de Emergência nesta sexta-feira (31), seis meses depois do início da pandemia.

“Essa pandemia é uma crise de saúde que só se vive uma vez por século e seus efeitos serão sentidos por décadas”, disse o diretor da OMS.

O novo coronavírus já matou cerca de 675.000 pessoas e infectou ao menos 17,3 milhões em todo o mundo desde que apareceu na China, em dezembro passado, segundo um balanço da AFP baseado em dados oficiais.

O Comitê, composto por 18 membros e 12 conselheiros, pode propor novas recomendações ou revisar algumas. No entanto, não há dúvida de que a situação de emergência internacional continuará em vigor.

Quando a OMS decretou o alerta mundial em 30 de janeiro, já havia ao menos 100 casos fora da China, embora ainda não houvesse mortes registradas fora desse país, explicou o diretor da organização, defendendo a instituição.

Leia mais em Istoé

Contact Us

Generalist media, focusing on the relationship between Portuguese-speaking countries and China.

Plataforma Studio

Newsletter

Subscribe Plataforma Newsletter to keep up with everything!