Microsoft avança para compra do TikTok mas depende de Trump - Plataforma Media

Microsoft avança para compra do TikTok mas depende de Trump

A Microsoft está em negociações para adquirir o TikTok, aplicativo de vídeo de propriedade chinesa, segundo uma pessoa informada sobre as conversas, mas o presidente Donald Trump disse na sexta (31) que está considerando tomar medidas para efetivamente proibir o aplicativo nos Estados Unidos.

TikTok conta com mais de 800 milhões de usuários ativos, tendo sido o mais baixado no primeiro trimestre de 2020. Ele permite que usuários publiquem e compartilhem vídeos curtos, geralmente cômicos.

Não está claro quão avançadas estão as discussões entre a Microsoft e o TikTok, mas qualquer acordo poderá modificar a propriedade do aplicativo, segundo a pessoa inteirada do assunto, que pediu o anonimato.

O TikTok é propriedade da ByteDance, companhia de internet chinesa avaliada em US$ 100 bilhões. Isso provocou uma investigação do app, e autoridades do governo Trump disseram que temem que ele constitua uma ameaça à segurança nacional.

governo Trump está cogitando se ordena que a ByteDance se desfaça de ativos que adquiriu nos EUA em 2017, que mais tarde foram fundidos no TikTok. A agência Bloomberg relatou na sexta que o presidente anunciaria um decreto que obrigaria a ByteDance a vender as operações do TikTok nos EUA.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Assine nossa Newsletter