Governo brasileiro antevê pior resultado da economia desde 1997 - Plataforma Media

Governo brasileiro antevê pior resultado da economia desde 1997

Segundo o ministro da Economia Paulo Guedes, o buraco nas contas do governo em 2020 deve ser próximo de 800 mil milhões de reais, o que representa 1% do PIB. Segundo Guedes, isso pode acontecer “se a pandemia tomar conta e nós não fizermos as nossas reformas”.

O déficit primário nas contas do governo deve somar R$ 787,449 bilhões neste ano, informou o Ministério da Economia nesta quarta-feira, 22. O dado consta no relatório de receitas e despesas do orçamento deste ano. Se confirmado, será o pior resultado da série histórica do Tesouro Nacional, que começa em 1997.

O déficit primário acontece quando as despesas do governo superam as receitas com impostos e contribuições. Quando acontece o contrário, há superávit. A conta do déficit primário não considera os gastos do governo com o pagamento dos juros da dívida pública.

Em maio, também no relatório do orçamento deste ano, a área econômica estimou que o rombo nas contas públicas seria menor: de R$ 540,533 bilhões. A diferença entre as duas previsões é de 45%.

O novo cálculo considera uma retração de 4,7% para o Produto Interno Bruto (PIB) neste ano, estimativa que foi divulgada na semana passada pelo Ministério da Economia.

Leia mais em Istoé

Assine nossa Newsletter