EUA consideram “ilegais” reivindicações de Pequim no Mar da China Meridional - Plataforma Media

EUA consideram “ilegais” reivindicações de Pequim no Mar da China Meridional

O Estados Unidos consideram “ilegais” a quase totalidade das reivindicações territoriais de Pequim no mar da China Meridional, disse o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, uma posição que acentua a pressão sobre as autoridades chinesas.

“Nós dizemo-lo claramente: as reivindicações de Pequim sobre os recursos ‘offshore’ na maior parte do mar da China Meridional são completamente ilegais, tal como o é a campanha de intimidação para a controlar”, sublinhou Pompeo num comunicado.

Embora os Estados Unidos recusem há muito a soberania chinesa sobre a maioria dos territórios do mar da China Meridional, é a primeira vez que Washington articula formalmente a sua posição por escrito, num comunicado que pormenoriza o perímetro que considera estar fora do controlo legítimo de Pequim.

Em abril, os Estados Unidos denunciaram que Pequim apresou um barco de pesca vietnamita no Mar da China Meridional e exortou as autoridades chinesas a “parar de lucrar” com a situação gerada pelo novo coronavírus ao estender o domínio regional.

Na ocasião, a porta-voz da diplomacia norte-americana, Morgan Ortagus, lembrou que o incidente próximo das ilhas Paracel [um grupo de pequenas ilhas e recifes] no Mar da China Meridional era o mais recente de uma “longa série de atos” cometidos pelas autoridades chinesas para reivindicar direitos marítimos indevidos e prejudicar os seus vizinhos da Ásia do Sul e do Mar da China do Sul.

Os Estados Unidos têm repetidamente acusado Pequim de “militarizar” o Mar da China Meridional para estender o seu domínio territorial.

Pequim reivindica quase toda a área do Mar do Sul da China e opõe-se, frequentemente, a qualquer manobra ou ação militar dos Estados Unidos na região.

Cinco outros países também reivindicam toda ou parte do mar do Sul da China, uma das mais importantes rotas de navios de mercadorias a nível mundial.

Este artigo está disponível em: English 繁體中文

Artigos relacionados
ChinaMundo

Milionário que criticou Xi Jinping acusado de corrupção

ChinaMundo

Rússia responde à decisão dos EUA de fechar o consulado da China em Houston

ChinaMundo

Washington detém três investigadores chineses por suspeita de fraude

ChinaMundo

China obrigada a fechar um consulado nos EUA ameaça retaliar

Assine nossa Newsletter