Estudo alerta: há substâncias nocivas nos protetores solares para crianças - Plataforma Media

Estudo alerta: há substâncias nocivas nos protetores solares para crianças

Foram identificados 29 ingredientes em 71 protetores solares infantis que podem ser nocivos para as crianças, segundo um estudo francês. Saiba o que deve ter em atenção na hora de comprar.

Os 29 ingredientes químicos identificados podem afetar o sistema hormonal, o metabolismo e o crescimento das crianças, assim como causar problemas de fertilidade e alergias, alerta um estudo do Laboratoire National de Métrologie et d’Éssais.

Estas substâncias – utilizadas como conservantes, filtros solares, para perfumar ou tornar mais cremoso – foram encontradas em 71 produtos analisados (39 cremes/loções/leites e 32 sprays), entre março e maio de 2020, de diversas marcas à venda em farmácias, supermercados e lojas bio, com os preços a variarem entre os 8 euros e os 26,95 euros.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter