Estudo brasileiro investiga peso da herança genética em casos graves de Covid-19 - Plataforma Media

Estudo brasileiro investiga peso da herança genética em casos graves de Covid-19

O sistema imunológico pode não ser o único componente determinante na recuperação de pacientes com coronavírus. Um estudo brasileiro investiga a relação entre pré-disposições genética e óbitos causados por covid-19.

“Na última semana, a gente viu caso de uma senhora de 98 anos. O filho dela foi infectado  [pelo coronavírus], ficou duas semanas internado no hospital. Ela não teve absolutamente nada”, explicou a cientista Mayana Zatz, do Instituto de Biociências da USP, ao Jornal da Band.

Segundo Zatz, o caso ilustra como a doença pode estar ligada à genética humana. “Tudo fala a favor do que a gente chama de genes de proteção e genes de risco, naqueles que vão a óbito.”

Leia mais em Notícias Band

Artigos relacionados
ChinaSociedade

Wuhan completa 1 ano do primeiro confinamento contra o coronavírus

BrasilChina

Wuhan volta a detetar coronavírus em carne importada do Brasil

MundoSociedade

Coronavírus circula em Itália desde setembro de 2019

MundoSociedade

Rede de tráfico de falsos testes negativos descoberta em França

Assine nossa Newsletter