Juan Carlos Escotet senta-se no trono dos mais ricos da Venezuela - Plataforma Media

Juan Carlos Escotet senta-se no trono dos mais ricos da Venezuela

Um ranking publicado pela Africa Trendy revela os mais ricos da Venezuela, território com uma grande comunidade portuguesa residente. O banqueiro Juan Carlos Escotet é, destacadamente, a pessoa mais rica do país com uma fortuna avaliada em 4,2 mil milhões de dólares norte-americanos

Juan Carlos Escotet é um banqueiro multimilionário venezuelano e fundador da Banesco. Filho de imigrantes espanhóis, começou como empregado bancário num banco venezuelano em 1976.

Estudou à noite enquanto trabalhava de dia no Bando Unión. Mais tarde obteve o Mestrado na Universidade de Miami, nos EUA. Subiu a pulso na vida e, depois de terminados os estudos, Escotet trabalhou como executivo da Sociedade Financeira Latinoamericana, trabalhando para o seu próprio grupo financeiro.

Durante os anos de 1990, as poupanças de Escotet permitiram-lhe comprar instituições financeiras venezuelanas que se encontravam em crise. Acabou por nessa altura abrir um escritório no Panamá.

Escotet fundou o Banesco e fundiu o Banco Unión com a sua empresa em 2000. Atualmente, tem sucursais em Miami, Panamá, Colômbia, Curazao, República Dominicana e Puerto Rico. Em 2015, voltou-se para as suas raízes familiares e adquiriu a Abanca, em Espanha.

Escotet esteve para comprar, este ano, o Eurobic da angolana Isabel dos Santos, mas deixou cair o negócio. A Abanca desistiu de ser o sexto banco de Portugal, com cerca de 350 mil clientes.

Em segundo lugar nos mais ricos da Venezuela, e longe de Escotet, aparece Gustavo Cisneros com uma fortuna avaliada na ordem dos 1,3 mil milhões de dólares. Cisneros é um empresário de renome n Venezuela e presidente do grupo Cisneros.

O empresário estudou e graduou-se nos EUA. Primeiro na Academia Suffield, em Connecticut (1963) e depois no Babson College em Massachusetts (1968).

O pai de Gustavo, Diego Cisneros, tornou-se empresário em 1929, tendo conseguido a representação da Pepsi para a Venezuela em 1940, antes de obter a concessºao do canal privado de televisão Venevisión em 1961.

A família Cisneros foi a primeira milionária na América do Sul, segundo um ranking da Forbes publicado em 2006.

Julio Herrena Velutini é o homem que se segue na lista e fecha o pódio dos mais ricos na Venezuela com uma fortuna arrecadada no valor de 1,2 mil milhões de dólares.

Também banqueiro, Velutini formou-se em três países: Reino Unido, Suíça e Venezuela. Com mais de 25 anos de experiência no setor bancário, Julio herrera Velutini faz parte de uma geração de banqueiros que fundaram a Bolsa de Valores de Caracas no Banco Central da Venezuela no final dos anos de 1980.

Atualmente, ainda possui muitas ligações internacionais, nomeadamente com a Inglaterra e com a Suíça.

Em quarto lugar, com uma fortuna avaliada em 820 milhões de dólares, surge Leopoldo López. Político venezuelano, encontra-se atualmente em prisão domiciliária. Fundou o partido político Primero Justicia em 2000 com os companheiros Henrique Capriles Randonski e Julio Borges, tendo sido eleito presidente do município de Chacao de Caracas nas eleições regionais desse mesmo ano.

Em 2009 fundou o partido Voluntad Popular do qual é o coordenador nacional. López já recebeu inúmeros prémios e comendas de ONG por causa do seu papel ativista de luta a favor dos direitos humanos na Venezuela.

López está preseo, mas até hoje desconhece-se as razões pelas quais lhe foram imputados alguns delitos. Os partidários do milionário acreditam que se trata de perseguição política por parte dos governos, primeiro, de Hugo Chávez e agora de Nicolás Maduro.

Por último, surge o atual presidente da Venezuela, Nicolás Maduro. Estima-se que as suas poupanças e investimentos valham qualquer coisa como 800 milhões de dólares.

Chefe de Estado desde 2013, foi Ministro nos Negócios Estrangeiros de Hugo Chávez de 2006 a 2013 e, posteriormente, vice-presidente do país em 2012 e 2013.

Por diversas vezes foi descrito como tendo sido “o político mais capaz dentro do círculo mais próximo de Chávez”. Chegou ao poder máximo na Venezuela em 2013, depois da morte de Hugo Chávez, tendo sido eleito como candidato do Partido Socialista Unido de Venezuela com 50,62% dos votos.

Africa Trendy é uma empresa de média digital para rankings baseados em opiniões e com crowdsourcing em praticamente tudo.

Leia também quem são os mais ricos de Angola e os mais ricos em Moçambique.

Artigos relacionados
EconomiaMundo

Amazon, Apple, Alphabet e Facebook à lupa

Assine nossa Newsletter