Sporting nega dívida à Belenenses SAD - Plataforma Media

Sporting nega dívida à Belenenses SAD

O Sporting negou hoje ter qualquer dívida com o Belenenses SAD e que nada tem a pagar com a transferência do futebolista Eduardo Henrique dos ‘azuis’ para a equipa ‘leonina’

“A Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD esclarece que nada deve à Belenenses SAD relativamente à transferência do jogador Eduardo Henrique. O atleta foi contratado ao SC Internacional e quaisquer dívidas ou litígios entre esses clubes não dizem respeito à Sporting CP – Futebol, SAD”, pode ler-se no comunicado.

Também a intenção por parte dos ‘azuis’ de virem a agir cível e criminalmente contra o diretor desportivo do Sporting, Hugo Viana, foi contestada por parte do emblema ‘leonino’.

O clube de Alvalade refere que contava com um pedido e desculpas por parte do presidente do Belenenses SAD, Rui Pedro Soares, e não com a ameça de um processo.

“Depois do comportamento lamentável e das insinuações proferidas ontem [sexta-feira] pelo presidente da Belenenses SAD nas bancadas do estádio da Cidade do Futebol da Federação Portuguesa de Futebol, esperava-se um pedido de desculpas à Sporting CP – Futebol, SAD e a Hugo Viana, e não um texto do teor que foi publicado pela Belenenses SAD”, conclui o comunicado.

O Belenenses SAD anunciou hoje ir processar o diretor desportivo pelas afirmações proferidas no jogo da I Liga de futebol entre as duas equipas (vitória ‘leonina’ por 3-1), informaram hoje os ‘azuis’.

“A Belenenses SAD anunciou hoje que vai processar cível e criminalmente Hugo Viana pelas afirmações publicadas nos jornais de hoje”.

No comunicado, os ‘azuis’ dizem estar em causa a frase “Paga o que deves!”, proferida por Hugo Viana em direção a Rui Pedro Soares, referindo que a Belenenses SAD nada deve ao Sporting nem a Hugo Viana, mas que ainda não recebeu “um único euro dos 450 mil a que tem direito pela transferência de Eduardo Henrique”, médio brasileiro que se mudou para Alvalade no passado verão.

A partida de sexta-feira ficou marcada por críticas do Belenenses SAD à arbitragem de Hélder Malheiro, sobretudo na repetição da grande penalidade que daria o terceiro golo ao Sporting, aos 45+2 minutos, apontado por Jovane Cabral. O guarda-redes Koffi defendeu o primeiro penálti, mas adiantou-se na linha de baliza e o árbitro mandou repetir, sob muitos protestos.

O Belenenses SAD ameaçou mesmo não regressar para a segunda parte do encontro, o que acabou por não suceder. Contudo, os ‘azuis’ estão a ponderar pedir a despenalização do burquinense Koffi, admoestado com o quinto cartão amarelo pelos protestos na repetição da grande penalidade, que o afasta da receção ao Tondela.

Artigos relacionados
Desporto

Pessoas transgênero poderão escolher jogar futebol em time masculino ou feminino

DesportoPortugal

Sporting perde guerra dos títulos de campeão

DesportoPortugal

Portugal perde na Suíça e ‘entrega’ liderança à Espanha na Liga das Nações

DesportoPortugal

Palhinha iminente nos Wolves por 20 milhões

Assine nossa Newsletter